Anadelso faz novo apelo a Governo do Estado para que agilize reforma e reativação do Terminal de Itaparica

A exemplo do que já fez anteriormente, o vereador Anadelso Pereira (DC) voltou a discursar na Câmara de Vila Velha, na sessão desta quarta-feira (27/11), para solicitar ao Governo do Estado que agilize as obras de reforma e a reativação do Terminal de Itaparica, interditado desde julho de 2018, devido ao risco de desabamento da cobertura e por falhas no projeto. Segundo Anadelso, os usuários do sistema de transporte coletivo residentes nos bairros da Região 5 continuam sofrendo e enfrentando transtornos, pela demora em completar seus trajetos diários. “Hoje, a imprensa noticiou que o terminal só deve voltar a funcionar em julho de 2020, após a inauguração das obras de reforma, que estavam previstas, anteriormente, para serem entregues até o final deste ano. Este atraso todo é um problema para quem mora nas comunidades da Grande Terra Vermelha e nas regiões vizinhas. Precisamos cobrar ao Estado maior rapidez na execução deste projeto”, ressaltou o parlamentar.

 

De acordo com ele, enquanto o terminal não entra em operação, o sistema de transporte coletivo poderia usar o espaço da antiga Rodoviária de Itaparica, como alternativa provisória. “Mas nem isso foi providenciado e estamos preocupados com a demora na realização da reforma do terminal, pois o povo está nos cobrando uma solução. No entanto, cadê nosso prefeito, que poderia interceder junto ao governador, para dar maior celeridade a este projeto? Max Filho deveria se inspirar no trabalho realizado por Gilson Daniel, na Prefeitura de Viana, município que em apenas 24 horas conseguiu reconstruir uma ponte que desabou devido às chuvas, evitando assim que a população local fosse prejudicada. Este é o exemplo de como a intervenção do prefeito pode contribuir com a agilização de providências para beneficiar os moradores de sua cidade”.

E Anadelso prosseguiu: “Essa reforma, tão estratégica para melhorar a mobilidade urbana em Vila Velha, vai demandar um investimento estadual de R$ 9 milhões. Mas as obras precisam sair do papel. Por isso, faço um apelo ao governador Renato Casagrande – que recebeu meu apoio e meu voto para retornar ao Palácio Anchieta – visando sensibilizá-lo para que exija celeridade à sua equipe de obras – com o objetivo de atender às necessidades da população, que precisa do terminal funcionando o mais rapidamente possível”, disse Anadelso.

 

O vereador lembrou, ainda, que durante os meses de verão, Vila Velha recebe mais de um milhão de turistas e muitos deles utilizam os ônibus do sistema de transporte coletivo, para se locomoverem pelo município. “Enquanto o Terminal de Itaparica permanece fechado, os terminais de Vila Velha e do Ibes estão sendo sobrecarregados e deteriorados devido ao grande número de ônibus e de passageiros que recebem todos os dias. Por tudo isso, continuarei cobrando agilidade às  autoridades municipais e estaduais, para que o prazo de reativação daquele terminal seja antecipado. O trabalho realizado pelo prefeito de Viana, Gilson Daniel – que em apenas 24 horas conseguiu reconstruir uma ponte que desabou na cidade, devido às chuvas – é um exemplo de como a intervenção do prefeito pode contribuir com a agilização de providências para beneficiar a população”, afiançou Anadelso Pereira.

Assista o vídeo abaixo e acompanhe este pronunciamento de Anadelso na íntegra:

 

Departamento de Comunicação
Câmara Municipal de Vila Velha 
Editor Chefe: Claudio Figueiredo
Imagens/vídeo: Eder Denadai
Fotos/Artes: Rayssa Rocha
Tel.: (27) 3349-3252
comunicacao@vilavelha.es.leg.br